SOBRE 

Cobreando é uma forma de passear, sem sair do lugar, pelo Povoado Santo Antônio da Cobra - Parelhas / RN - Brasil.

Cobra - Parelhas RN.jpg

     Lugarzinho chamado Cobra! Tranquilo e aconchegante, onde seu Povo é conhecido por ser inteligente, persistente, trabalhador, alegre, gentil, acolhedor, guerreiro e, sobretudo, solidário e amigo.  É uma Grande Família, onde existe ajuda mútua e empatia. A convivência com a pluralidade é inclusiva e respeitosa. 

 

     Somos loucos por política, conhecimentos, por novas descobertas, pelo inusitado...  Temos o Parque dos Dinossauros!

       Somos loucos uns pelos outros! Loucos pela alegria, pela harmonia e pela folia!  Ah, folia... A energia é a mais de mil! Temos o Maior e Melhor Carnaval Rural do Brasil!

É que a gente sente pela Cobra, um apreço que não tem preço!

E por aí vai...

Versões para a origem do nome COBRA.  

 

1. OS TROPEIROS E A COBRA

     Conta-se que nos idos do Século XIX era costume a comercialização de alguns produtos ser feita por tropeiros (pessoas que conduziam jumentos carregados de mercadorias para vender em povoados distantes). Nessa época, um grupo de tropeiros resolveu descansar no final do dia, às margens de um rio.  Nesse espaço, havia um pau grande e grosso, onde os tropeiros colocaram as selas dos jumentos e foram dormir. Quando o sol raiou, os tropeiros se assustaram ao notar que as selas tinham sumido.

     Procuraram nos arredores e não encontraram.  Quando olharam para o rio, perceberam que algo estranho estava acontecendo: As selas boiavam rio acima!  Se aproximaram e perceberam que o pau grande e grosso não era pau, e sim, uma imensa cobra.

     Desde então, o Rio passou a ser conhecido por RIO DA COBRA!!!

  

2. O TRAÇADO DO RIO

     Havia nas proximidades do Povoado, um rio cujo leito "desenhava" uma cobra serpenteando. Em razão desse formato, foi denominado pela população, de RIO DA COBRA. O Povoado que já se chamava Santo Antônio (em homenagem ao Santo de devoção dos fundadores), passou a ser chamado de SANTO ANTÔNIO DA COBRA.

   

3. A MARCA DO FERRO!

     Conta-se que Manoel Noberto, proprietário de um grande rebanho na região, marcava o gado com um ferro que desenhava as iniciais do seu nome, com as letras juntas e minúsculas (mn) que se assemelhava a uma COBRA. Como criava o gado solto, em qualquer lugar por onde um animal passava. O povo logo o identificava como "gado da cobra". E o costume popular consagrou com o nome de COBRA, o lugar onde morava o proprietário do rebanho.

Homenagem do nosso Inesquecível JOANE (Jerry) à nossa Terrinha

Clique AQUI e veja o vídeo de Luan Jackson no YouTube.

cobreando.png

VISITE O COBREANDO!

Rua Tertuliano Rodrigues da Silva, 124 - Cobra / Parelhas /RN

WATSAPP

84 99635 4343

84 99834 3584